greencard.com.br

  • Loteria de Green Cards
  • Conheça os EUA
  • Estudo nos EUA
  • Trabalho nos EUA
  • Vistos
  • Trabalho nos Estados Unidos

    Como trabalhar nos EUA

    Citamos nesta seção os procedimentos, exigências e passos para se trabalhar nos EUA.

     

    Procedimentos

    Avalie como sua educação, objetivos, experiência profissional e de vida o tornam perfeito para a vaga.

    Informe-se o máximo sobre a empresa. Procurar conhecer sua filosofia, mercado e tudo mais que seja importante, se ela tiver uma página na Internet ótimo, se não, estude como a oferta de emprego foi efetuada, solicite informações, folders, o que puder sobre empresa. 

    Cuide da apresentação pessoal. Aparência, roupas e atitudes contam sim, mesmo em empresas "modernas".

    Descanse na véspera para estar bem disposto e alerta para a entrevista.

    Leve seu curriculum vitae. Note que um bom curriculo nem sempre lhe consegue um emprego, mas um mal feito sempre o impede de conseguir uma lista de contatos para referência.

    Entenda que em um mercado de trabalho globalizado como o atual ser estrangeiro é uma qualidade e não algo que o diminua. Usufrua disto.

    Sem que pareça um pedido exponha a sua necessidade de um visto. Transforme isto em um ponto positivo mostrando que, como o visto é atrelado a um emprego, muito mais que o normal você será dedicado, leal e motivado a ser um bom empregado. Mencione está disposto a arcar com as despesas de legalização de seu status.

     

    Exigências

    Saber Inglês, fazer o exame TOEFL, ter nível superior ou alta especialização ou uma habilidade específica, além de um currículo de interesse dos empregadores americanos. Uma certa condição financeira também é necessária já que cada etapa tem um custo. Avalie se você tem condição de arcar com estes custos, se é o momento apropriado e se seu Inglês e currículo já são ideais. Considere esta tentativa como um investimento de alto retorno mas com risco.

    Conseguir um empregador que se interesse pela sua contratação e que se disponha a solicitar um visto de trabalho para você.

    Contratar um advogado para ajudar com a parte jurídica/legal.

    Se tudo correr bem, você conseguir o visto e for para os Estados Unidos, você receberá uma permissão temporária de trabalho. Você deve, então, fazer e ser aprovado no exame para profissionais na sua área. Mais ou menos como se o governo do seu estado, após a conclusão de seu curso superior, exigisse que você fizesse uma prova para habilitá-lo a trabalhar na sua área de formação.

    Em sendo aprovado neste exame você receberá a autorização para trabalhar. Agora é dedicar-se ao máximo e progredir.


    Passos

    Fazer um exame de TOEFL para saber em que nível está seu Inglês. É uma informação importante de constar do currículo. Não se aventure a tentar um visto de trabalho se você não tiver um bom nível de Inglês. Nos EUA toda empresa incentiva a interação do grupo e o trabalho conjunto. Você terá que conviver e se comunicar com este grupo. Fora isto você terá que fazer um exame de habilitação para poder trabalhar. Se seu nível de Inglês não for bom você poderá desperdiçar tempo e dinheiro. Neste caso invista primeiramente em aprimorar-se no idioma. 

    Produzir uma carta de apresentação e um currículo nos padrões americanos (resume). Você pode fazê-lo sozinho ou por intermédio de nossos parceiros. É importante que ele se enquadre nos padrões atuais. Você pode ter uma grande currículo mas se não souber como expor as informações na maneira devida e forma correta este será simplesmente desprezado. O mercado atual de trabalho em todo mundo exige que se esteja em constante atualização. O americano vê todo trabalho como uma venda. Você deve sempre agir como se estivesse vendendo um produto ou serviço. Se você não souber "vender" seu currículo, nada feito. Somoso parceiros das maiores empresas americanas especializadas em confecção de currículos. Eles também produzem cartas de apresentação e cadastram os currículos em dezenas de serviços de emprego. Oferecemos, ainda a opção de cadastros em páginas pagas específicas de empregos para imigrantes. Para seu controle e garantia o e-mail fornecido para receber as propostas será o seu. Saiba mais em Preparo de Currículos.

    Cadastrar seu currículo no maior número de páginas gerais de emprego e, se possível, nas pagas, especializadas em empregos para imigrantes. Preste bastante atenção para cadastrar na forma devida para evitar transtorno de conseguir um emprego em uma empresa localizada em um local onde você não deseja residir ou em um perfil diferente do desejado. Leia com atenção as informações de cada página. Saiba mais em Cadastro de Currículos.

    Caso consiga um empregador que se interesse por seu currículo e pretenda contratá-lo, entre em contato com um advogado imediatamente para que este possa instruí-lo dos procedimentos necessários. Veja, no futuro, nossa indicação de profissionais especializados e de confiança.

    Providencie a documentação e traduções necessárias.

    Você receberá uma licença temporária de serviço. A partir de agora o problema é outro: estudar e passar no exame específico para profissionais de sua área. Se você tem um bom currículo e um bom nível de Inglês tem toda a chance de ser aprovado. Não é um exame fácil, porém. Normalmente o empregador proporcionará condições especiais (tempo e indicação de cursos) para que você tenha sucesso na prova. Alguns estados só permitem uma prova, outros dão um segunda chance. Estude e esteja preparado. 

    Passou no exame? Parabéns! Agora é trabalhar duro e superar-se a cada dia pois a concorrência interna, saudável, existe. Seja feliz. Tente a Loteria todos os anos. O green card traz tranqüilidade e abre um leque de opções. Clique para saber mais.

    Após um certo tempo pergunte a seu advogado se o tipo de trabalho que você desempenha dá condições de se solicitar o green card. Caso seja possível convença seu empregador a fazer a solicitação. É mais uma batalha, mas bem mais tranqüila pois você já está no país e empregado.

    Saindo o seu green card você estará livre para mudar de emprego ou de estado, caso queira. Você terá, então, os mesmos direitos de um cidadão americano.

    Clique agora para saber outra forma de morar nos Estados Unidos.

    Como não vimos atualizando a página, ela pode ter informações que não sejam mais válidas. Por favor confirme em sites
    oficiais os procedimentos corretos e/ou completos. Visite http://travel.state.gov/visa/visa_1750.html para informações sobre
    vistos de todos os tipos.

    Assuntos RelativosAssuntos relacionados

    Marketing Digital & Design - Clicktime